Nós que todos os meses nos dedicamos a enviar as melhores informações científicas disponíveis, desejamos a todos um período de festas de grandes alegrias e harmonia com seus familiares e amigos. Desejamos a todos muita saúde, paz, alegria e prosperidade.

Esperamos estar contribuindo para a manutenção de sua saúde.

 

 

 

 

 

Comer bem

 

 Filé de badejo no vapor com molho de manga e gengibre. (Arnaldo Marinho de Oliveira - Chef da Fazenda Jacumã -Trancoso)

 

Ingredientes:

 

02 filés de badejo (100 gr cada)

01 xícara e meia de suco de maracujá

01 manga

01 colher de sopa de maizena

01 colher de sopa gengibre ralado

Meio limão

01 colher de sopa de azeite

Pimenta branca

Sal a gosto

03 dentes de alho

300 gramas de aspargos frescos

 

 

Modo de Preparo:

 

 

1 – tempere os filés com limão, pimenta branca, alho e sal, reserve.

 

2 – em uma panela adicione metade do azeite, gengibre e o suco de maracujá  batido com a manga e a maizena , deixe engrossar.

 

3 –  tempere e reserve.

 

4 - cozinhe os filés no vapor junto com o aspargo.

 

5 – regue com a metade do azeite e sirva com o molho.

.

 

(Serve 2 pessoas)

 

Para você saber...

 

>  Dois novos estudos mostraram não haver relação entre colesterol baixo e a presença de câncer. Porém em homens com colesterol mais baixo encontrou-se um risco menor de câncer de próstata. Também  foi encontrada uma possível relação da elevação do HDL colesterol com a diminuição do risco de câncer.

 

 > Apresentado um estudo no Encontro da Sociedade Americana de Doenças Infecçiosas mostrando que pacientes hospitalizados por gripe que estavam em uso de uma estatina (remédio para baixar o colesterol) tinham 54% menos risco de morte hospitalar do que aqueles que não faziam uso deste tipo de remédio.

 

> Interessante achado mostrou que a gordura acumulada em volta do coração, conhecida como gordura pericárdica é um preditor de doença coronariana, independente dos fatores de risco convencionais. A gordura pericárdica foi melhor preditor do que o peso corporal ou a circunferência da cintura.

 

> Um acompanhamento de longo prazo de pacientes obesos submetidos a cirurgia bariátrica mostrou que esta não é eficaz na prevenção de infarto agudo do miocárdio, quando comparado com o tratamento tradicional, a não ser para pacientes com glicose alta.

 

>  Estudo realizado na Universidade de Harvard com uso de angiotomografia das coronárias mostrou que é a composição das placas de gordura dentro das artérias que determinam a possibilidade da obstrução aguda delas e não somente o tamanho da placa.

 

 

> Uma das mensagens mais interessantes que trago do Congresso da American Heart Association é que o HDL colesterol é uma das alterações mais comuns das gorduras do sangue e deve ser um novo foco de atenção nos próximos anos.

 

> A insuficiência cardíaca é uma das três principais causas clínicas  de internação nos hospitais gerais. Um estudo mostra que um em cada quatro desses pacientes voltam a ser internados em um mês. Isto se deve em boa parte a não observação de pontos fundamentais do tratamento como diminuir a ingestão de sal, manter o peso corporal e evitar o consumo excessivo de líquidos; além da não aderência adequada aos medicamentos prescritos.

 

 

  Previna-se

 

> As Sociedades Americanas e Européias de Cardiologia voltam a recomendar a vacinação antigripe para todos os pacientes com doenças cardíacas e não só não fumar, mas também evitar o tabagismo passivo.

 

> Mais um estudo de longo prazo mostra que melhorar o estilo de vida pode evitar a presença de diabetes, num acompanhamento de 10 anos, mostrando-se bastante efetiva tanto no curto quanto no longo prazo. Atividade física e controle do peso foram fundamentais para este resultado, sendo a melhor prevenção para o diabetes.

 

> Estudo apresentado no Congresso Canadense de Cardiologia mostrou que jovens entre 18 e 30 anos que fumaram um único cigarro tiveram 25% a mais de perda da elasticidade nas artérias coronárias. Isto demonstra que fumar, mesmo que poucos cigarros,  traz alterações desastrosas para as artérias.

 

> Estudo francês mostrou que a velocidade da caminhada de idosos quando comparada com aqueles que andam mais vagarosamente, mostra uma relação de três vezes mais chance de sofrer uma morte cardiovascular em cinco anos do que aqueles que caminham mais rapidamente. Mais um motivo para que aqueles acima de 65 anos mantenham-se em atividade física.

 

 

 


C A R L O S  S C H E R R  S E R V .  C A R D I O L  Ó G I C O S  L T D A .                 

Rua Visconde de Pirajá, 595 — 1204 — Ipanema — Rio de Janeiro — CEP 22410-003

Site

www.scherr.med.br

E-mail

carlos.scherr@all.com.br
Telefone Consultório

(21) 2294-1544

Celular | Urgências

(21) 8145-8005

Skype

carlos.scherr.serv.cardiologicos

 

Caso deseje RETIRAR seu e-mail desta lista, favor enviar e-mail para:

carlos.scherr@all.com.br no campo ASSUNTO escreva: RETIRAR E-MAIL DO NEWSLETTER


Copyright (C) 2008 *| Carlos Scherr Serv. Cardiológico LTDA |* Todos os Direitos reservados.